Se és fã do trabalho de Raul Solnado não podes perder a peça “Raul, Um Espetáculo de Homenagem a Solnado”. Protagonizada por Telmo Ramalho, que foi aluno de Raul Solnado, na peça são interpretados textos como “É do Inimigo?” e “A Guerra de 1908” ou músicas como “Malmequer” ou “Timpanas”.  O espetáculo está em cena no Teatro Sá da Bandeira, às 21h30, nos dias 13, 14, 20 e 21 de abril. Dia 15 e 16 a representação está marcada para as 16h30. Os bilhetes variam entre os 12€ e os 18€.

Não é preciso seres poeta para participares na sessão de Poetry Slam de sexta-feira (13), às 21h30, na Casa Bô. Tens três minutos para surpreender os juízes com os textos da tua autoria nesta primeira de cinco sessões que te podem tornar o representante do Porto na competição nacional que acontece em Lisboa, em outubro. Se já tiveres outros planos na sexta-feira, as sessões de Poetry Slam acontecem mensalmente de forma intercalada entre a Casa Bô e a Fnac de Santa Catarina, com a final marcada para agosto.

Na sexta-feira (13) há dose dupla de Fingertips no Porto. A banda portuguesa leva o recém lançado álbum “15” à Fnac de Santa Catarina às 18h30 e à Fnac do Norteshopping às 22h00.

Se achas que contribuir para uma causa solidária numa noite de fados é um bom plano para a noite de sábado (14), tens a XVIII Grande Noite do Fado Académico do ISEP. A partir das 21h30 sobem ao palco do Auditório Magno do Instituto Superior de Engenharia do Porto os Grupos de Fados do ISEP, da FFUP e da FMUP, assim como o Quarteto de Cordas da ESMAE. A noite serve de homenagem a Rui Pedro Lucas, compositor do grupo, e tem um custo de 0,50€ para alunos do ISEP e 2,50€ para o público em geral. Cerca de 0,50€ de cada bilhete tem como objetivo solidário ajudar o “A”, um aluno do ISEP.

Na comédia, o Lusitânia Comedy Club vai explicar “O Porquê da Coisa” às 21h30 de sábado (14) no Coliseu do Porto. Da autoria do humorista e argumentista Nuno Markl, Francisco Martiniano Palma, Frederico Pombares (texto) e J.J. Galvão (música e letra), o grupo pretende contar a História de Portugal em 90 minutos de comédia. Os bilhetes variam entre os 10€ e os 22€.

No cinema…

Na semana marcada pelo centenário da Batalha de La Lys, chega aos cinemas o filme “Soldado Milhões“. A história de Aníbal Augusto Milhais – soldado português que contrariou ordens para resgatar colegas na batalha – salta para o grande ecrã pelas mãos de Gonçalo Galvão Teles e Jorge Paixão da Costa.

NOS: http://cinemas.nos.pt/Filmes/Pages/soldado-milhoes.aspx

UCI: http://www.ucicinemas.pt/Filmes/soldado-milhoes/el-corte-ingles

Artigo editado por Sara Beatriz Monteiro