O Vodafone Rally de Portugal chega, esta sexta-feira, à cidade do Porto e vai provocar vários condicionamentos tanto na circulação de pessoas, como de veículos e ainda ao nível dos transportes públicos.

Seja para assistir ou para contornar a prova, aqui reunimos um conjunto de informações úteis para quem tiver de circular na Baixa da Invicta.

1) Traçado e bilhetes

O percurso da classificativa que passa esta sexta-feira pelo centro do Porto apresenta algumas diferenças face àquele estreado pelo Rally em 2016. Agora, a partida faz-se na Catedral, com os carros a seguirem até ao Tribunal da Relação do Porto, com passagem pela Estação de São Bento, Rua Sá da Bandeira, Praça D. João I, Avenida dos Aliados e Rua dos Clérigos.

dois saltos no percurso: um na zona ascendente da Avenida dos Aliados e outro, novo, entre o Largo Amor de Perdição e o Jardim da Cordoaria.

Cada piloto fará o percruso, de 1.950 metros, duas vezes. Há várias zonas interditas à circulação de peões junto ao percurso, por razões de segurança (ver mapa). Há algumas zonas de acesso livre e oito bancadas com quase cinco mil lugares sentados. A maior estará instalada no Largo Amor de Perdição. Os preços oscilam entre os 20 e os 75 euros da zona VIP. Já há várias bancadas com lotação esgotada na venda online.

2) Horários

Sexta-feira, 18 de maio
07h00 – Fecho da pista
12h44 | 15h45 – Reconhecimento WRC
15h50 | 16h40 – Co-drivers
16h45 | 17h00 – Reconhecimento Clássicos
17h05 | 17h30 Co-drivers
17h35 – Prova de Clássicos Desportivos (1ª passagem)
17h50 – Prova de Clássicos Desportivos (2ª passagem)
19h03 – SS8 – Porto Street Stage 1
19h28 – SS9 – Porto Street Stage 2
22h15 – FIM

3) Transportes

Pelo facto dos autocarros da STCP não poderem efetuar paragens de término ou atravessamentos numa zona alargada da Baixa, entre as 21h00 de quinta-feira, e as 07h00 da manhã de sábado, a empresa tem previstas alterações em cerca de 40 linhas

A empresa ressalva que:

  • As linhas de elétrico 18 e 22 não vão circular na sexta-feira (18);
  • A linha 900 vai ser suprimida, sendo substituída pela 901 e pela 906, as quais terminarão na Batalha (Rua Alexandre Herculano);
  • A linha 207 só circulará entre o Mercado da Foz e a Rua da Restauração, sendo o percurso entre a Baixa e Campanhã servido pela linha 400, que passará a ter término na Batalha;
  • As linhas circulares 302 e 303 vão terminar na Boavista e no Campo 24 de Agosto;

A Metro do Porto terá operação reforçada ao longo de todo o dia, em todas as linhas. A empresa sugere a utilização preferencial das estações da Trindade e do Bolhão. Por motivos de segurança, a Estação dos Aliados, na Linha Amarela (D), estará encerrada a partir das 14h00 de sexta-feira. A Estação de S. Bento, também na Linha Amarela, estará aberta, mas poderá ter acessos pontualmente condicionados, se as condições de segurança assim o determinarem.

A CP-Comboios de Portugal também aponta o corte de várias vias para recomendar uma ida para a Baixa de comboio, não estivesse a Estação de São Bento a 300 metros da linha de partida. A empresa disponibiliza os tradicionais bilhetes promocionais (2 euros de ida e volta) para os portadores de Rali Pass ou sócios ACP que usem os comboios urbanos do Porto no dia da prova. Mais informação aqui

4) Segurança e mais informações

A operação de segurança montada pela Câmara Municipal do Porto terá o seu comando instalado no Centro de Gestão Integrada (CGI), instalado no quartel dos Batalhão de Sapadores Bombeiros.

“Das 07h00 do dia 18 às 07h00 do dia 19, estará ativa uma equipa multidisciplinar composta por elementos das forças de segurança e proteção civil, responsáveis municipais, representantes das operadoras de transporte público e membros da organização do Rally de Portugal. O objetivo é monitorizar o evento nas múltiplas vertentes e garantir a capacidade de intervenção articulada e imediata em quaisquer situações”, garante a autarquia.

A mesma entidade tem disponíveis contactos para os munícipes esclarecerem dúvidas relativas à Porto Street Stage. São eles os números 936780291 e 936780273 ou ainda o email rally@cm-porto.pt

Está ainda disponível atendimento presencial sobre o tema no Gabinete do Munícipe, junto à CMP. Quer a Linha Direta quer o atendimento presencial estão disponíveis nos horários do Gabinte, isto é, na quarta-feira das 9 às 20h00; nos outros dias úteis, das 9h00 às 17h00.

5) Onde ver

A prova vai ser transmitida em direto no canal 1 da RTP, esta sexta-feira, a partir das 19h00. De acordo com a organização, vão estar também instalados oito ecrãs ao longo da classificativa para poder acompanhar o percurso completo dos pilotos.

6) O Campeonato do Mundo de Rally

O Rally de Portugal começou a aquecer os motores esta manhã em Paredes e tem, no total, 20 classificativas no programa, todas no Norte do país. O centro de operações está montado na Exponor, em Matosinhos. Sebastien Ogier (Ford) chega a Portugal na condição de penta campeão mundial, sendo o atual líder do campeonato do mundo de pilotos.

Em 2016, o grande vencedor da dupla-classificativa do Porto foi Thierry Neuville, seguido de Andreas Mikkelsen tendo Sebastien Ogier fechado o pódio.