Todos os sábados e domingos, até ao fim do mês de maio, a circulação automóvel vai ser condicionada entre as 14h00 e as 19h00 aos sábado, e entre as 09h00 e as 19h00 de domingo, na frente atlântica do Porto. A medida entra em vigor já a partir deste sábado, 9 de maio.

Em comunicado enviado à imprensa, a Câmara Municipal do Porto (CMP) explica que com “a transição do Estado de Emergência para a Situação de Calamidade, e não obstante o facto de este enquadramento ser menos restritivo do que aquele que se encontrava vigente, mantém-se o dever cívico de recolhimento domiciliário bem como da necessidade de se manterem as medidas de distanciamento físico indispensáveis no combate ao contágio e à propagação do vírus SARS-CoV-2 (COVID -19).”

Nesse sentido, a autarquia pretende alargar a via pedonal à rodoviária, com o objetivo de dar mais espaço aos peões permitindo o distanciamento físico.

“A restrição de acesso não se aplica a moradores, ao transporte público, aos táxis e TVDE, bem como às operações de cargas e descargas/entregas. Para esse efeito, os condutores devem informar as forças policiais do seu local de residência e/ou motivo da deslocação devidamente enquadrado nas exceções referidas”, pode ainda ler-se no comunicado.

Subsequentemente, a CMP alerta ainda que as áreas condicionadas passam a funcionar como “zona de coexistência” e o limite de velocidade passa a ser de 20 quilómetros/ hora, tal como previsto pelo Código da Estrada.

A medida abrange as ruas assinaladas a preto no mapa:

As ruas afetadas são:

  • Avenida de Montevideu
  • Rua de Timor
  • Rua de Pero da Covilhã, no troço compreendido entre a Avenida de Montevideu e a Rua de Gondarém
  • Rua do Funchal, no troço compreendido entre a Avenida de Montevideu e a Rua de Gondarém
  • Rua do Molhe, no troço compreendido entre a Avenida de Montevideu e a Rua de Gondarém
  • Avenida do Brasil
  • Rua do Crasto, no troço compreendido entre a Avenida do Brasil e a Rua de Gondarém
  • Rua do Padrão, no troço compreendido entre a Avenida do Brasil e a Rua de Gondarém
  • Rua de Rui Barbosa
  • Rua de Gondarém, no troço compreendido entre a Rua do Padrão e a Rua da Agra
  • Rua da Agra, no troço compreendido entre a Avenida do Brasil e a Rua do Marechal Saldanha
  • Rua de Gondarém, no troço compreendido entre a Rua do Monte da Luz e a Rua da Agra
  • Travessa do Monte da Luz
  • Rua do Monte da Luz
  • Rua do Túnel
  • Rua do Coronel Raúl Peres
  • Rua da Senhora da Luz, no troço compreendido entre a Rua de Diu e a Avenida do Brasil
  • Avenida de D. Carlos I
  • Rua de D. Luís Filipe

Artigo editado por Filipa Silva.