O ambiente de sábado à tarde promete ser “informal e descontraído”. Quem é o diz é Alexandra Pinheiro, coordenadora do projeto “Duas de Letra…” que explica ao JPN que a iniciativa passa por “criar um espaço onde se possa informar os jovens sobre temas importantes”. Uma vez que cerca de 90% das iniciativas da Fundação da Juventude são precisamente para jovens, este projeto não foge à regra.

Depois da última edição de 22 de março, sobre desemprego jovem, a conferência deste mês pretende desmistificar todas as dúvidas sobre a sexualidade, um tema que cativa grande parte da massa jovem. “Os jovens pensam que já sabem tudo, mas não sabem. A Fundação da Juventude pretende lançar um debate que envolva também pais e educadores em questões como a saúde”, explica Alexandra Pinheiro.

O que espera? Que se partilhem ideias, pensamentos e perspetivas. Para iniciar o debate e o diálogo, a Fundação da Juventude convidou quatro especialistas na área: Manuela Moura, da Sociedade Portuguesa de Sexologia, José Pinto da Costa, do Instituto CRIAP, Cristina Vieira, especialista em Sociologia da Saúde e docente da Universidade Aberto do Porto e Laura Aguiar, da Fundação Portuguesa “A Comunidade Contra a SIDA”.

Para atingir um maior número de pessoas, a Fundação da Juventude conta ainda com o apoio da Porto Lazer na divulgação do projeto. Ainda que as conferências sejam realizadas aos sábados, para possibilitar que um maior número de pessoas assista, os jovens ainda são os que menos aparecem. Contudo, Alexandra espera que esta edição consiga cativar o público jovem, uma vez que “o tema é muito abrangente e os oradores são muito disponíveis”.

Quem quiser participar e esclarecer as dúvidas em relação à sexualidade, poderá confirmar a sua presença para palaciodasartes@fjuventude.pt. A entrada é gratuita, mas está sujeita à confirmação. A coordenadora do projeto pede que “ainda não esteja cheia, espera uma sala composta” para que se possa perceber como é entendida a sexualidade nos dias de hoje. O “Duas de Letra…” conta com o apoio da CM Porto e da Unicer.