Promovida pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), a “Semana Profissão: Engenheiro” (SPE) dá a oportunidade aos alunos do ensino secundário, professores e encarregados de educação de conhecer as diferentes áreas da engenharia.

Ao JPN, Liliana Carvalho, responsável pela organização do evento, realçou que a edição deste ano é a maior de sempre, com mais de dois mil inscritos provenientes de 90 escolas, “de Vila Real a Leiria, mas sobretudo do distrito do Porto”.

Até à próxima quarta-feira, 21, vão decorrer na FEUP cerca de 70 atividades “práticas e interativas” direcionadas aos jovens.

As atividades estão distribuídas por 24 percursos distintos que pretendem explorar cinco vertentes da Engenharia: “Salvo o Planeta”, “Desenho o novo Homem”, “Crio a Sociedade do Futuro”, “Torno as empresas mais competitivas” e “Construo um Mundo novo”.

Existem ainda nove percursos concebidos especificamente para alunos do 12º ano que tenham já uma ideia bem definida da área de Engenharia que pretendem seguir.

A decorrer todos os dias do evento e com início às 18h30, a sessão “FEUP – Um mundo de oportunidades” é direcionada a encarregados de educação, professores e psicólogos. As apresentações são “protagonizadas pelos diretores de cada um dos cursos que explicam mais concretamente cada um deles, as saídas profissionais e empregabilidade, que é uma das principais preocupações dos pais”, explica Liliana Carvalho.

“A Engenharia está na moda”

Para pais e filhos, a “Semana Profissão: Engenheiro” pode ser uma mais-valia para ajudar os jovens a explorar as opções do Ensino Superior e a decidirem o caminho que vão seguir.

No evento, os alunos podem experimentar atividades relacionadas com as diferentes áreas da engenharia. Linda Melo

Salomé Cardoso, da escola Dr. Manuel Laranjeira, de Espinho, diz estar “indecisa” e por isso se inscreveu no evento.

Madalena Encarnação veio da Figueira da Foz. Está no 10º ano e ainda não sabe a área pela qual vai optar quando terminar o secundário. “Estou a gostar muito, são atividades engraçadas, diferentes, e que não temos na nossa escola”, diz a aluna da escola Dr. Joaquim de Carvalho.

Como Madalena, João Silva também tem dúvidas quanto ao que escolher no futuro. “Estou a pensar ir para engenharia, mas ainda não sei qual. Hoje fiquei a conhecer melhor alguns cursos”, afirma o aluno de Ermesinde.

Os participantes do evento podem ainda tentar a sua sorte no concurso “FEUP numa palavra”, a decorrer no Instagram. O desafio é criar um vídeo de cinco segundos com a palavra que consideram melhor adjetivar a FEUP. O vencedor conquista a oportunidade de “Ser estudante FEUP por um dia” (uma experiência em que pode descobrir como é fazer parte do mundo académico) e ainda uma camisola da faculdade.

Para Liliana Carvalho, o crescente interesse na SPE deve-se sobretudo “ao facto do contacto [da FEUP] com as escolas ser maior”. A responsável da organização acredita que “a engenharia está na moda” e que “quem vem pela primeira vez ao evento não quer deixar de vir”.

A FEUP é a faculdade da UP com maior número de estudantes e cursos. No ano letivo 2016/2017, estavam inscritos naquela instituição quase oito mil estudantes em 84 cursos.

Artigo editado por Filipa Silva